Tomada de decisão pela diversificação

uma alternativa para agricultura familiar na microrregião de Santa Cruz do Sul/RS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.24302/drd.v10i0.2749

Resumo

Os municípios da Microrregião de Santa Cruz do Sul, localizados na região central do Rio Grande do Sul, caracterizam-se pela predominância da cultura do tabaco. O território é composto por 16 municípios, com diversas peculiaridades e diferenças demográficas e geográficas, entretanto, relacionam-se por uma situação específica comum que é o cultivo de tabaco em monocultura, sendo esta a cultura de maior importância econômica na região. Em Santa Cruz do Sul, município pólo da região, encontra-se instalado o maior complexo industrial de recebimento e de processamento de fumo do mundo, responsáveis em grande parte pela sustentação econômica da região. No entanto, a Microrregião também sofre com os desafios da dependência desta monocultura, sendo alvo de pesquisas e de busca por alternativas há décadas. Desta forma, passou a existir uma preocupação por parte de lideranças de produtores familiares, extensionistas e governo local no sentido de identificar novas alternativas de renda para o meio rural. A diversificação configura-se como uma possível alternativa capaz de proporcionar meios para elevar a renda das famílias e proporcionar a melhoria de sua qualidade de vida. Esta pesquisa estuda, com base na percepção das famílias de agricultores que implementaram a diversificação em suas propriedades, os fatores facilitadores para a tomada de decisão pela diversificação, bem como os obstáculos que foram superados e como o fizeram para obter êxito em sua implementação. O método de coleta de dados utilizado foi a adoção de questionário semiestruturado aplicado à famílias de agricultores – que por indicação de algumas entidades e os próprios produtores (snowball sampling), selecionados por implementar a diversificação produtiva em suas propriedades apesar de seu histórico de cultivo da monocultura do tabaco. Para os atores entrevistados, a diversificação tende a promover a liberdade de escolha e potencializar os valores e os recursos endógenos regionais, propiciando desenvolvimento sustentável e conferindo-lhes uma melhor qualidade de vida.

Palavras-chave: Agricultura Familiar. Processo de Tomada de Decisão. Meios de Vida Sustentáveis. Diversificação Produtiva. Desenvolvimento Regional.

Biografia do Autor

Carlos Esau, Universidade de Santa Cruz do Sul

Mestre em Desenvolvimento Regional pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da Universidade de Santa Cruz do Sul. Santa Cruz do Sul. Rio Grande do Sul. Brasil.

Cidonea Machado Deponti, Universidade de Santa Cruz do Sul

Doutora em Desenvolvimento Rural, Professora do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Regional da Universidade de Santa Cruz do Sul. Santa Cruz do Sul. Rio Grande do Sul. Brasil.

Publicado

2020-05-22

Como Citar

Esau, C., & Deponti, C. M. (2020). Tomada de decisão pela diversificação: uma alternativa para agricultura familiar na microrregião de Santa Cruz do Sul/RS. DRd - Desenvolvimento Regional Em Debate, 10, 439-460. https://doi.org/10.24302/drd.v10i0.2749

Edição

Seção

Artigos