O USO DO ULTRA-SOM ASSOCIADO COM A DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL NO TRATAMENTO DO FIBRO EDEMA GELÓIDE

Autores

  • Carine Patrícia Silvestre Universidade do Contestado
  • Carla Stefanello Zanon Universidade do Contestado

DOI:

https://doi.org/10.24302/agora.v16i2.31

Palavras-chave:

Fibro Edema Gelóide, Ultra-som, Drenagem Linfática Manual

Resumo

O Fibro Edema Gelóide pode ser definido como um espessamento não inflamatório das capas subdérmicas, às vezes doloroso que se manifesta em forma de nódulos ou placas de variada extensão e localização. O fibro edema gelóide é um problema prevalente em mulheres, que causa sérias complicações, como dores intensas, distúrbios emocionais, podendo levar a uma imobilidade parcial dos membros inferiores, está associado com a insuficiência venosa crônica no nível de membros inferiores, como câimbras, sensação de peso, sintomas de parestesia, entre outros. Este estudo teve como objetivo verificar a eficácia da associação das técnicas do ultra-som com a drenagem linfática manual no tratamento do Fibro Edema Gelóide, encontrado em qualquer um dos 3 graus, na região glútea de 6 pacientes do sexo feminino, com idade entre 20 e 35 anos que não apresentaram contra-indicações ao tratamento. Essa amostra foi selecionada de forma aleatória. Para a realização do tratamento foram utilizados ultra-som, com freqüência de 3 MHZ, no modo contínuo, com dose de 1,2 W/cm², que foi realizado no glúteo direito e esquerdo, dividido em quadrante superior e inferior, durante 3 minutos cada quadrante, e drenagem linfática manual de Leduc, nos glúteos direito e esquerdo, durante 30 minutos. O tratamento constitui-se de 10 sessões, com um total de 50 minutos cada sessão. A análise foi feita através da coleta de fotos na 1°, 5° e 10° sessão, com os glúteos relaxados e contraídos, ao término do tratamento, as fotos foram analisadas visualmente, o que comprovou a eficácia da associação das técnicas do ultra-som com a drenagem linfática manual de Leduc, onde podemos observar a redução do Fibro Edema Gelóide e melhora do aspecto da pele.

Biografia do Autor

Carine Patrícia Silvestre, Universidade do Contestado

Bacharel em Fisioterapia pela Universidade do Contestado – Unidade de Concórdia

Carla Stefanello Zanon, Universidade do Contestado

Professora Especialista em Fisioterapia Ortopédica e Traumatológica e em Fisioterapia Uroginecológica, Universidade do Contestado – Unidade de Concórdia.

Como Citar

Silvestre, C. P., & Zanon, C. S. (1). O USO DO ULTRA-SOM ASSOCIADO COM A DRENAGEM LINFÁTICA MANUAL NO TRATAMENTO DO FIBRO EDEMA GELÓIDE. Ágora : Revista De divulgação científica, 16(2), p. 93-104. https://doi.org/10.24302/agora.v16i2.31

Edição

Seção

Artigos