Avaliação de livros didáticos como ferramenta para o ensino de educação ambiental nos 6º e 7º anos do ensino fundamental

Autores

  • Jean Mary Facchini Instituto Educacional Santa Catarina (IESC) Faculdade Jangada
  • Adriana Paul Faculdade Jangada - Instituto Educacional Santa Catarina - IESC.

DOI:

https://doi.org/10.24302/agora.v19i2.789

Palavras-chave:

Livro Didático. Educação Ambiental. Professor e aluno.

Resumo

A preocupação com os livros didáticos em nível oficial, no Brasil, se inicia com a Legislação do Livro Didático, criada em 1938 pelo Decreto-Lei 1006. Nesse período já o livro era considerado uma ferramenta da educação política e ideológica, sendo caracterizado o Estado como censor no uso desse material didático. A relação entre o livro didático e a Educação Ambiental é o envolvimento por diversas concepções que são expressas por distintas correntes do pensamento ambientalista. Essas correntes influenciam a forma de exercer a Educação Ambiental no âmbito escolar, assim como a seleção de conteúdos e a abordagem dos mesmos em sala de aula. O presente trabalho esboça a análise de alguns aspectos do Livro Didático de Ciências do ensino fundamental, 6º e 7º anos utilizados nas escolas públicas e particulares do município de Jaraguá do Sul - SC, bem como a aplicabilidade do tema Educação Ambiental, em diversas abordagens e metodologias ao ensino de Ciências.

Biografia do Autor

Jean Mary Facchini, Instituto Educacional Santa Catarina (IESC) Faculdade Jangada

Mestre em Saúde e Meio Ambiente, Especialista em Sociedade e meio ambiente, Graduado em Ciências Naturais. Professor titular de Botânica, Gestão ambiental, Evolução, Saúde e meio ambiente, Estudos ambientais e Metodologia científica da Faculdade Jangada (cursos de Ciências Biológicas, Enfermagem,  Farmácia e Fisioterapia).

Professor efetivo de ciências na rede municipal de ensino de Jaraguá do Sul.

Coordenador das tecnologias em educação na rede municipal de ensino.

Coordenador da FICAA - Feira de Iniciação Científica Antônio Ayroso da cidade de Jaraguá do Sul.

Adriana Paul, Faculdade Jangada - Instituto Educacional Santa Catarina - IESC.

Acadêmica concluinte do curso de Bacharel em Ciências Biológicas, atua como professora de ciências na Rede Municipal de Ensino da cidade de Jaraguá do Sul - SC e como professora de biologia para a Rede Estadual de Ensino de Santa Catarina.

Publicado

2015-06-30

Como Citar

Facchini, J. M., & Paul, A. (2015). Avaliação de livros didáticos como ferramenta para o ensino de educação ambiental nos 6º e 7º anos do ensino fundamental. Ágora : Revista De divulgação científica, 19(2), 83-99. https://doi.org/10.24302/agora.v19i2.789

Edição

Seção

Artigos