A OBESIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL DO MUNICÍPIO DE ITAIÓPOLIS

Autores

  • Edinéia Novacki Universidade do Contestado
  • Marines Povaluk Universidade do Contestado

DOI:

https://doi.org/10.24302/agora.v16i2esp..104

Palavras-chave:

Alimentação. Obesidade infantil. Sedentarismo

Resumo

Diante da problemática que a obesidade infantil proporciona ao organismo das crianças, percebe-se a necessidade de realizar estudos envolvendo o tema, e tendo como objetivos a verificação da ocorrência da obesidade nas escolas, envolvendo alunos em atividades que possam interferir no problema em questão, fornecendo informações sobre o assunto e proporcionando uma discussão ampla e detalhada em relação à obesidade infantil. Para isso, foi necessária a aplicação de um questionário aos alunos, envolvendo várias questões referentes ao assunto, baseou-se na resolução das questões e no cálculo do índice de massa corporal dos alunos, que utilizou a constatação do peso e da estatura dos alunos. Conclui-se que o problema da obesidade atingiu alguns alunos da Educação Infantil e que o sedentarismo é um dos principais responsáveis pelo problema. A pesquisa efetuada constatou a necessidade de acompanhar o controle do peso das crianças durante a infância.

Publicado

2012-04-11

Como Citar

Novacki, E., & Povaluk, M. (2012). A OBESIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL DO MUNICÍPIO DE ITAIÓPOLIS. Ágora : Revista De divulgação científica, 16(2esp.), p. 130-139. https://doi.org/10.24302/agora.v16i2esp.104