Empreendedorismo internacional: um estudo de caso em um cluster internacionalizado

  • Inocencia Boita Dalbosco UNOESC - Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Graciele Tonial UNOESC - Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Nathalia Berger Werlang FAI - Faculdade de Itapiranga
Palavras-chave: Empreendedorismo Internacional. Clusters. Internacionalização. PMEs.

Resumo

Este estudo tem como objetivo verificar se a participação em clusters e o empreendedorismo internacional (EI) são prospectores da internacionalização de empresas. Utilizou-se do método de estudo de caso múltiplo exploratório e descritivo, os dados foram coletados por meio de pesquisa de campo, sendo aplicadas entrevistas semi-estruturadas em quatro pequenas e médias empresas (PMEs) do setor metal mecânico, participantes de um cluster. Os resultados evidenciaram que o EI, ocorre mediante a incidência das dimensões: oportunidades internacionais, redes de relacionamento, capacidade de inovar e desenvolvimento de recursos em maior intensidade nas empresas participantes do cluster em análise, caracterizando assim estas dimensões do EI como prospectoras de internacionalização.

Biografia do Autor

Inocencia Boita Dalbosco, UNOESC - Universidade do Oeste de Santa Catarina
Mestre em Administração Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI).
Graciele Tonial, UNOESC - Universidade do Oeste de Santa Catarina
Mestre em Administração Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI). Doutoranda em Engenharia e Gestão do Conhecimento. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
Nathalia Berger Werlang, FAI - Faculdade de Itapiranga
Mestre em Administração Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI). Doutoranda em Administração. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
Publicado
2017-08-21
Como Citar
Dalbosco, I., Tonial, G., & Werlang, N. (2017). Empreendedorismo internacional: um estudo de caso em um cluster internacionalizado. Ágora : Revista De Divulgação Científica, 22(1), 4-24. https://doi.org/10.24302/agora.v22i1.1016
Seção
Artigos